O Papa nunca teve a intenção de ofender: ‘na Igreja há espaço para todos’

“O Papa nunca pretendeu ofender ou expressar-se em termos homofóbicos, e se desculpa com quem se sentiu ofendido pelo uso de um termo, referido por outros”.

É o que afirma em uma comunicação aos jornalistas o diretor da Sala de Imprensa da Santa Sé, Matteo Bruni, após os artigos publicados nas últimas horas que atribuem ao Pontífice o uso de uma palavra sobre a questão da entrada no seminário de pessoas homossexuais. Trata-se de uma passagem do diálogo a portas fechadas que o Pontífice manteve no dia 20 de maio com os bispos da Conferência Episcopal Italiana na Sala Paulo VI, noticiado pela mídia italiana.

Papa Francisco está a par dos artigos publicados recentemente acerca de uma conversação, a portas fechadas, com os bispos da Conferência Episcopal Italiana, lê-se na nota de Bruni – além do esclarecimento e do pedido de desculpas – são recordadas as palavras tantas vezes afirmadas pelo Papa: “na Igreja há lugar para todos, para todos! Ninguém é inútil, ninguém é supérfluo, há espaço para todos. Assim como somos, todos”.

Netinhonews/Redação

Fonte: Site/Vaticannews



Quer saber tudo
o que está acontecendo?

Receba todas as notícias do NetinhoNews no seu WhatsApp.

Entre em nosso grupo e fique bem informado.

ENTRAR NO GRUPO
Publicado em 28 de maio de 2024



Comentários